- Publicidade -
17.5 C
Brasília
- Publicidade -

UPAs são reforçadas com mais insumos e profissionais

 

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF) está atuando em diversas frentes para reforçar o atendimento em todas as 11 unidades de pronto atendimento (UPAs), diante do aumento da demanda de pacientes com sintomas respiratórios.

Somente no mês de dezembro, foram contratados 307 profissionais de saúde apenas para as UPAs, sendo 51 médicos. Na categoria de médicos, também houve ampliação de carga horária, chegando a 366 horas a mais contratadas para suprir as necessidades.

Mais médicos ainda serão contratados. Há uma seleção em andamento que conta com a participação de mais 126 candidatos. As entrevistas começaram a ser realizadas. Na quarta-feira (5), já foram avaliados 51 médicos e, nesta quinta-feira (7), 50 estão passando pelo teste. Na sexta (8), outros 25 profissionais serão entrevistados. A convocação dos aprovados deve começar já na próxima semana.

Outra ação foi o redimensionamento da aquisição de insumos, sendo adquiridos cerca de R$ 14,2 milhões em medicamentos e materiais de consumo, o que possibilitará absorver essa alta demanda.

O Iges-DF informa ainda que as equipes são dimensionadas de acordo com o porte e a opção de cada UPA, conforme a Portaria de Consolidação nº 03, de 27 de setembro de 2017, do Ministério da Saúde. A escala de médicos é disponibilizada diariamente nas recepções das UPAs.

Atendimentos

Um balanço parcial de janeiro até 15 de dezembro de 2021 mostra que as UPAs do DF realizaram 1.705.062 atendimentos. Foram feitos 290.030 atendimentos médicos, 245.518 atendimentos de urgência e emergência com observação 24 horas, 292.023 acolhimentos com classificação de risco, 832.299 mil exames laboratoriais e 45.192 exames de imagem.

*Com informações do Iges-DF

Comentários

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Continue Lendo