- Publicidade -
22.5 C
Brasília
- Publicidade -

Diz Barroso: Voto eletrônico é “seguro, transparente e auditável“

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) e presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Luís Roberto Barroso, defendeu o voto eletrônico na Comissão Geral da Câmara dos Deputados nesta 4ª feira (9.jun.2021). “Nosso processo eleitoral eletrônico é seguro, transparente e, sobretudo, ele é auditável”, afirmou o ministro.

A proposta defendida pelo presidente acumula derrotas desde a primeira vez que foi sancionada, em 2002. Críticos afirmam que a medida colocaria em risco o sigilo do voto. Em 20 anos, as 3 leis que estabeleciam o voto impresso enfrentaram resistência e foram derrubadas.

O TSE já sinalizou que será difícil que o voto impresso seja implementado nas eleições de 2022, mesmo que a medida seja aprovada pelo Congresso Nacional antes do pleito.

Comentários

- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Continue Lendo